Artigo


A importância da profissionalização e das ferramentas de auxílio ao manejo e gestão apícola

Juliana Pagnoncelli Ferreira1, Ricardo Lotterman1, Ivânia Ramos2 e Pedro da Rosa Santos3
1Senior Software Developer;
2Professora na UTFPR;
3Doutor em produção animal. Criador do canal Apislogia no Youtube.

O mercado apícola brasileiro possui grande potencial produtivo, mas ainda é pouco explorado pelos produtores. O Brasil produziu, em média, 16 kg de mel por colônia anualmente nos últimos 20 anos (IBGE, 2017). Enquanto países como Austrália e Argentina produziram aproximadamente 120 kg e 35 kg colônia/ano, respectivamente. No ano de 2020, apesar de ter alcançado seu recorde de exportação, pouco mais de 40 mil toneladas, a produção brasileira ainda está muito distante em dos principais produtores mundiais.

Mesmo possuindo vasta diversidade de plantas apícolas (em quantidade e qualidade) nos mais variados biomas (Amazônia, caatinga, cerrado, mata atlântica, pampa e pantanal), por que o Brasil continua ineficiente na produção apícola?

Existem mais de 100 mil propriedades e mais de 350 mil pessoas envolvidas na cadeia apícola brasileira. Sendo que, 92% dos produtores trabalham em regime de agricultura familiar, no qual a apicultura não é a principal fonte de renda. Por isso, grande parte do mel produzido é oriundo de apicultores sem ou com o mínimo de capacitação técnica e pouca dedicação a atividade. Muitas vezes, nem o próprio apicultor se enxerga como um empreendedor do meio rural. Logo, qual seria o caminho para o Brasil elevar sua produtividade apícola?

O primeiro passo é investir em conhecimento. A apicultura exige muito mais do que colocar uma colônia próxima à uma reserva florestal e aguardar a colheita do mel na safra. Existem vários fatores que devem considerados pelo produtor, entre eles:

Instalação do apiário: quanto mais abundante e diversificado o pasto apícola maior será a probabilidade de sucesso do apiário. Além disso, devem ser considerados a densidade de colônias, ou seja, disponibilidade de água, presença de inimigos naturais, sombreamento, entre outros.

Revisão: o apicultor deve realizar monitoramento contínuo nas colônias para alcançar melhores índices zootécnicos e se antecipar aos eventuais problemas que podem ocorrer ao longo do ano. Tais como, verificar o desenvolvimento populacional, uniformidade da postura, reserve de alimento, presença de pragas e doenças, falta de espaço na colmeia, condição dos favos, entre outros parâmetros.

Manejo inteligente: baseado nas revisões periódicas o apicultor conseguirá planejar e realizar os manejos rotineiros de forma a minimizar os impactos negativos que ocorrem em todos empreendimentos do agronegócio. E ao mesmo tempo, buscar soluções para melhorar a eficiência produtiva do seu plantel, visando sempre encontrar o ponto de equilíbrio com maior possibilidade de lucro.

Além disso, um dos pontos chaves na revolução da apicultura nacional é a mudança de mentalidade. O apicultor precisa se conscientizar que criar abelhas é respeitar à biologia e o comportamento desses indivíduos. Proporcionando as melhores condições para que as colônias possam se manter, desenvolver e produzir.

Atualmente existe uma gama de conteúdo de excelente qualidade disponibilizado de forma gratuita na internet para auxiliar o pequeno produtor em todas as etapas da cadeia apícola. Além de incentivo, assistência especializada e capacitações técnicas proporcionadas por instituições de pesquisa e extensão rural como Embrapa, SEBRAE e SENAR, visando profissionalizar a atividade.

A profissionalização proporciona muito mais do que incremento produtivo, sendo fundamental também para melhorar a qualidade dos produtos apícolas produzidos e comercializados pelos produtores. Contudo, o apicultor necessita desenvolver, além de boas práticas apícolas e de fabricação, habilidades mínimas de gestão e administração para poder entender se o seu negócio está proporcionando o retorno econômico-financeiro esperado.

À primeira vista aliar um bom manejo das colônias com uma boa gestão do empreendimento parece ser algo complicado e entediante. No entanto, a boa notícia é que existem ferramentas tecnológicas para auxiliar o produtor nesse processo.

Figura_1_A importancia

Telas do aplicativo Abelheiro

O aplicativo Abelheiro é um sistema de gestão apícola com diversos recursos que irão facilitar o planejamento das atividades, coleta e armazenamento de informações no campo, acesso a gráficos e indicadores produtivos, geolocalização dos apiários, entre muitas outras funcionalidades que auxiliam o apicultor nas tomadas de decisão.

Para iniciar o apicultor irá realizar o cadastro dos seus apiários e colônias no aplicativo. Podendo gerar e imprimir QR Codes para colar nas suas colmeias a fim de identificá-las e facilitar as revisões e manejo. Em seguida poderá iniciar o planejamento das suas próximas atividades criando tarefas a fazer.

Depois, basta escanear o QR Code com a câmera do celular e selecionar a opção desejada no aplicativo, informando os dados referentes e salvar. Todas as suas informações estarão no aplicativo gerando gráficos e índices zootécnicos de forma totalmente segura.

Mas como utilizar o celular com luvas no meio do apiário? Não tenho internet no apiário, como faço?

Não se preocupe, existem no mercado canetas touch screen de baixo custo que possibilitam tocar à tela do seu aparelho móvel mesmo com as luvas, simulando a ponta do seu dedo. Além disso, o Abelheiro funciona de maneira off-line, ou seja, quando você estiver no campo poderá usar o aplicativo da mesma forma e quando se conectar à internet seus dados serão salvos na nuvem. Com o aplicativo você poderá lançar suas Receitas e Despesas, permitindo melhor controle de estoque, entradas e saídas. Tudo isso de forma intuitiva com alguns poucos toques na palma da sua mão.

O Abelheiro está disponível para smartphones Android e iOS e conta com dois planos: Grátis e Premium. No plano Grátis você poderá gerenciar um apiário e até dez colônias. No plano Premium o número de colônias e apiários é ilimitado, além de funcionalidades exclusivas, como a geolocalização em tempo real. O Abelheiro está em constante evolução para trazer mais benefícios e melhorias aos apicultores. Para conhecer um pouco mais acesse o site e caso queira esclarecer dúvidas, sugestões ou outros assuntos, entre em contato pelo email: <[email protected]>.

Tecnologia aliada ao conhecimento são as ferramentas que você precisa para alavancar seu empreendimento apícola. E nossa equipe está à disposição para auxiliar sua chegada ao sucesso!