Minha Experiência


MARGARIDÃO BRANCO.
Montanoa bipinnatifida (Kunth) K. kooch , originária do México, da família compositae.

Texto: Eloi Viana da Silva

O margaridão branco atrai muito as abelhas Apis.

O margaridão branco atrai muito as abelhas Apis.

Arbusto que atinge até 10 metros de altura, mas, normalmente, ficam mais baixos por volta de 4 metros, com galhos bastante ramificados, quando novos são esverdeados e depois vão ficando marrons, folhas opostas, muito ásperas parecem lixas, com até 75 cm de comprimento e profundamente divididas em 8 a 10 lóbulos.

Flores em capítulos, na verdade as flores são bem pequenas no centro da inflorescência, que atraem muito as abelhas e borboletas, além dos pequenos pássaros. Pode ser utilizada como planta única, em grupos ou formando cercas-vivas. Desenvolve-se bem a sol pleno ou meia sombra, no solo rico em matéria orgânica, com boa drenagem e irrigada quando a terra estiver seca.

Multiplica-se por sementes e estacas. É necessário fazer a poda todo ano, pois ela brota com muito mais vigor, e com flores muito bonitas. Essa poda pode ser de uns 60 cm do chão, faço isso sempre na lua nova após a florada. Na minha região, Sul de Minas o pasto apícola começa em meado de junho, com abertura das flores, pela ordem, Margaridão, Astrapéia, Assa-peixe, cítricos, aroeiras e outras.

É necessário alimentar os enxames 60 dias antes para uma ótima produção de mel em setembro.

ESTÁ AÍ NAS FOTOS. Uma pequena amostra das flores no meu apiário em Cachoeira de Minas – MG, com destaque do apicultor e sócio da APACAME Celso de Farias, fazendo uma visita à florada do margaridão branco que o deixou muito impressionado, pois a florada permanece aberta aproximadamente por um mês, temos também nas fotos algumas flores de margaridão amarelo, que não são muitos atrativa para as abelhas Apis, e sim para as abelhas nativas que frequentam com bastante intensidade e parecem gostar muito.

Quero deixar claro que margaridão e astrapéia são excelentes para fortalecer os enxames.