Atividade


REUNIÃO DOS APICULTORES E MELIPONICULTORES,
DIA 05 DE OUTUBRO DE 2016

Na nossa reunião de 05 de outubro de 2016, às 18h00, no Auditório do Instituto de Pesca, localizado dentro do Parque Fernando Costa, Parque da Água Branca, sito à Av. Francisco Matarazzo, 455, Bairro da Água Branca, São Paulo, Capital, Tel: 11 3864-9284, como acontece todas as primeiras quartas-feiras de cada mês, nos últimos 37 anos, tivemos a honra de receber a visita da Médica Veterinária, MARIA CAROLINA GUIDO, formada pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP em São Paulo, possui mestrado e doutorado na mesma Universidade na área de Reprodução Animal.Foi docente em Universidades no Curso de Medicina Veterinária durante 12 anos e atualmente é Assistente de Planejamento do Escritório de Defesa Agropecuária de SP que pertence à Coordenadoria de Defesa Agropecuária de SP – Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. Trabalhou 5 anos na Região do Escritório de Defesa Agropecuária de Mogi das Cruzes e está há 3 anos no Escritório de SP., que proferiu uma Palestra sobre o tema:

“Pequeno Besouro das Colméias “Aethina tumida”, um Desafio para a Apicultura de São Paulo”

A Palestra mereceu a atenção de todos os presentes e resultou numa discussão acalorada, ao final, ante a notícia da possibilidade de virem a serem queimadas as colmeias onde forem localizados referidos besouros.

A APACAME colocou a sua posição em defesa dos Apicultores que estão sendo vítimas desse besouro com a possibilidade de serem queimadas as suas colmeias.

A grande preocupação é com a situação do apicultor que terá uma interrupção na sua atividade, uma quebra na sua renda sem ter a certeza se será indenizado pelo material e suas abelhas e se haverá uma indenização pelos lucros cessantes

Acreditamos que o controlo desses besouros, que não estão acarretando nenhum prejuízo às colmeias seja o mais prudente a ser feito.

Medidas radicais geram uma reação negativa o que prejudicará o controle, caso seja necessário.