Comunicado


Prezados colegas do GT Abelhas e demais pesquisadores

Karina Cham – Bióloga – Analista Ambiental Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis – IBAMA – Diretoria de Qualidade Ambiental – DIQUA Coordenação Geral de Avaliação e Controle de Substâncias Químicas – CGASQ
SCEN trecho 2 – Edifício Sede – Bloco C – 1º andar – Brasília – DF – Fone: (61) 3316-1310

Escrevo-lhes para comunicar que na data de 09/02/2017 foi publicada no Diário Oficial da União a Instrução Normativa nº 2, que estabelece diretrizes,requisitos e procedimentos para a avaliação de risco de agrotóxicos para abelhas.

http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?jornal=1&pagina=33&data=10/02/2017

A publicação dessa IN representa uma mudança de paradigma muito grande com relação à regulação de agrotóxicos no Brasil, mas é apenas um primeiro passo. Muito ainda precisa ser feito para que possamos aprimorar esse instrumento e conseguir o que de fato nós almejamos alcançar: a sustentabilidade na agricultura com efetividade na proteção dos insetos polinizadores e de outros organismos não-alvo.

Em breve será publicado um manual que orientará a aplicação dessa norma, bem como será realizado um treinamento aberto a todos os interessados, onde as bases da avaliação de risco e todas as mudanças envolvidas nesse processo serão melhor detalhadas.

Aproveito também para divulgar um breve relato sobre a nossa participação no Workshop realizado nos USA no início do ano, cujo auxílio de muitos de vocês foi essencial para que pudéssemos representar as abelhas nativas do Brasil:http://www.ibama.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=990. (reproduzida aqui na Mensagem Doce)

Nesse mesmo link encontra-se uma nota técnica que elenca lacunas de conhecimento que precisam ser sanadas para que possamos avançar nesse trabalho. (reproduzida aqui na Mensagem Doce).

Agradeço imensamente a colaboração de todos e peço a gentileza de divulgar entre seus contatos.