Congresso


21º Congresso Brasileiro de Apicultura e 7º Congresso Brasileiro de Meliponicultura

Radamés Zovaro – Empresário apícola e Diretor Técnico da Apacame

Participamos do 21º Congresso Brasileiro de Apicultura e 7º Congresso Brasileiro de Meliponicultura, realizado nos dias 04 a 06 de maio próximo passado na cidade de Fortaleza, capital do Estado do Ceará.

Foi mais um Congresso realizado no Brasil, com um modelo um pouco diferente dos outros. Na parte da manhã eram realizadas as palestras, após o almoço a partir das 13:30 até as 15:30 eram realizados os Minicursos e em seguida das 15:50 as 17:50 horas eram realizados os Workshops.

Um dos problemas desse sistema é que quem não participava dos Minicursos, teve que ficar esperando até as 15,50 para participar do Workshop. Os temas abordas tanto na areada Apís melífera como da Melíponas foram interessantes e a frequência foi boa.

Tivemos também a apresentação dos Painéis Científicos, com uma quantidade e qualidade bastante expressiva.

A feira é sempre o ponto alto dos Congressos e nesse não fugiu a regra, é lá onde o bate papo, o reencontro de amigos, e o conhecimento de novos, cada um contando a sua história, cria um ambiente salutar, agradável e alegre.

A troca de informações, a apresentação dos estandes com exposição de seus produtos, catálogos, fornece aos participantes conhecimentos e cultura sobre a atividade que nós temos que é a apicultura.

Com relação a Feira, a novidade foi a apresentação de um cilindro alveolador de cera compacto em uma única maquina, derretedor de cera, laminador, alveolador e cortador. Não é novidade pois já existe no pais empresa fabricando e comercializando esse mesmo tipo de equipamento com linhas de construção diferentes.

O Estado de Santa Catarina que vai sediar na cidade de Joinville o próximo Congresso em 2018, se fez representar com um belo estande, distribuindo informações sobre o Estado e em especial a cidade de Joinville, além de distribuir adesivos e camisetas promovendo o futuro evento.

É importante que se diga que dos 21 Congressos realizados o Estado de Santa Catarina já promoveu 3 Congressos, (1970, 1984 e 2000) sendo o próximo o quarto, o que mostra primeiro a organização da Apicultura Catarinense aliada ao apoio do poder público ao setor.

Espero poder viver para participar do próximo Congresso. Até lá.